Mergulha na Fantasia!

IDEIAS PARA NÃO PERDER O JUÍZO DURANTE A QUARENTENA (E QUE TAMBÉM RESULTAM NO RESTO DO ANO)

Muitas vezes ao longo da minha existência a fantasia salvou-me. Bruxas e cavaleiros, druidas e dragões mostraram-se companheiros infalíveis. Arrastavam-me para mundos fantásticos para onde os meus problemas não me podiam seguir. Mas isso não queria dizer que a vida lá fosse mais fácil.

Havia desafios incríveis, feitiços e batalhas e nem sempre o bem triunfava. Mas quase tudo é melhor do que lidar com as angústias existenciais da adolescência!

Comecei o ano a ler ficção, mas o que é que se passa com a ficção que se é boa é sempre triste? Só amores trágicos, pobreza, violência, desigualdade… Chega! Pra desgraça já chega o covid-19 e ter decidido mudar de vida este ano ahahah com a economia em recessão e o povo sem saber se vai poder voltar a viajar como antes! Ahahhah ah ah precisava de um escape antes que os parafusos pifassem de vez.

Discworld & Terry Pratchett

Até que me lembrei que tinha comprado o segundo volume de Discworld e ainda não o tinha lido porque queria reler o primeiro! Para quem não conhece, Discworld é uma colectânea sobre um mundo em forma de disco que assenta sobre quatro elefantes que por sua vez estão em cima de uma tartaruga gigante (Great A’Tuin) que viaja pelo universo. Para onde só ela sabe. Discworld está cheio de feiticeiros, malfeitores, druidas, malas que andam sozinhas e muito humor. Terry Pratchett faz muitos trocadilhos e o universo de Discworls é bastante original e desconcertante.

Para quem queira ter um vislumbre do humor de Terry Pratchett, recentemente foi adaptado para TV o livro “Good Omens” que ele escreveu juntamente com Neil Gaiman. O anjo Azaraphael e o demónio Crowley, ao longo de milénios de convivência na Terra, tornaram-se amigos. E, contra todas as expectativas, gostam demasiado dos humanos e querem impedir que o Apocalipse os destrua… Ao mesmo tempo que tentam com que os seus superiores hierárquicos não dêem por nada!

P.S. O David Tenant faz um Crowley excelente!

Além de Discworld, há muito mais no reino da fantasia. E há muito mais no reino dos livros. Desde que dei os primeiros passos pelas páginas, adorava as aventuras dos cavaleiros da távola redonda. Depois, as Brumas de Avalon. Depois Harry Potter e Senhor dos Anéis. E a par destes, os livros da “Uma Aventura”, o “Triângulo Jota” – de longe os meus preferidos por terem uma Joana e miúdos do Nuuuorte a resolverem mistérios. O Cavaleiro da Dinamarca de Sophia (que só depois de o reler em adulta percebi como cada palavra está no seu lugar e não há uma palavra a mais). O realismo mágico de Gabriel Garcia Márquez, a prosa mágica de Luís Sepúlveda, a originalidade do Evangelho e dos Ensaios de Saramago, a lucidez e o feminismo de Elena Ferrante… E podia passar o resto do dia nisto.

Há tanto mais pra descobrir. Vá à procura.

Leia, pela sua saúde!

Eu vou lendo pela minha…!